[Sobrevivência] Mega resumão

    Compartilhe

    Yves HMR
    Presa
    Presa

    Posts : 29
    Cadastrado : 26/05/2013

    [Sobrevivência] Mega resumão

    Mensagem por Yves HMR em 26/5/2013, 19:47

    A Sobrevivência Planejada


    Em uma situação de sobrevivência, temos alguns grupos de necessidade para suprir.
    Seriam eles:
    -Medicamentos básicos;
    -Abrigos;
    -Localização e obtenção de água;
    -Produção de fogo;
    -Obtenção e preparo de alimentos;


    *** Este tópico complementa o tópico [Sobrevivência] Go-Bag/Kit de sobrevivência ***




    Como todos aqui na comunidade nos preparamos para uma eventual catástrofe, devemos cubrir todos esses grupos. Mas de que forma?
    Falo disso neste Tópico.




    Medicamentos Básicos



    Para inicio de conversa, deves saber que quem toma remédios, devido a doenças crônicas e etc, deve sempre ter aguns exemplares do mesmo em sua go-Bag.
    Coisas como Remédios variados (dor de cabeça, enjoo, diarréia, Gripe); Vitaminas (você não saberá quando terá uma alimentação correta); Álcool/Mentiolate ( Para limpeza tanto de ferramentas ligadas a saude, tanto para limpar ferimentos ); Bandaid/Esparadrapo/Gase; Antibiótico/Anti-inframatório.

    Abaixo, algo mais amplo para vocês:

    Spoiler:

    [Desintoxicante] Carvão Ativado
    http://cidadezumbi.forumeiros.com/t771-desintoxicante-carvao-ativado#8995

    1 Antibióticos

    Mesmo que você tenha cuidado em algum momento se machucará, e todos os ferimentos sujos podem infeccionar, raros destes podem causar uma infecção letal, mais se causarem, poucas serão suas chances de sobreviver sem possuir algum antibiótico.

    Mesmo tomando cuidado com ferimentos uma gripe mau curada pode se tornar uma pneumonia que pode ser igualmente letal sem estes medicamentos.

    Felizmente estes medicamentos são fartos em instituições de saúde e farmácias próximas de vocês, em uma emergência ter um estoque de antibióticos pode ser essencial para a sobrevivência.

    2 Antiinflamatórios

    A dor é uma velha conhecida da humanidade, mais vivemos na época do controle da dor, a dor já foi considerada parte essencial da vida e em momentos históricos da criação dos primeiros antiinflamatorios, foi muito questionado seu uso.

    Ninguém morre de dor, obviamente a dor pode prejudicar em muito o bem estar de uma pessoa e vale lembrar que os antiinflamatórios poucas vezes resolvem o problema, simplesmente apagam ele durante um tempo.

    Ter antiinflamatórios não é essencial, mais pode ser classificado como item de segunda necessidade.

    3 Antialérgicos

    Você é um doente crônico e sofre de reações alérgicas fortíssimas, as reações alérgicas mais perigosas são as anafiláticas, estas podem matar um individuo em questão de horas dependendo do tipo de exposição ao elemento alérgico.

    Na teoria uma pessoa pode ser alérgica a qualquer coisa, sim qualquer coisa, desde alimentos, plantas e insetos. A sobrevivência de pessoas muito alérgicas será muito difícil, pelo simples motivo destes serem reféns de seus medicamentos antialérgicos e com o passar do tempo à escassez e o desaparecimento destes será uma realidade, por esse motivo se você é portador de um quadro alérgico importante sabe muito bem sobre os tipos de medicamentos que o auxiliam em momentos de crise (os doentes crônicos entendem muito bem de suas doenças, as vezes até mais do que quem os esta tratando).

    Ter alguns medicamentos a base de cortisona e anti-histaminicos podem ser sua salvação em um momento de crise, seria interessante para grandes alérgicos possuírem algum tipo de injetor de adrenalina no caso de um choque anafilático, porem estes injetores são itens raros ate nos ambientes hospitalares.

    Hoje em dia existem tratamentos que “curam” os alérgicos, são tratamentos de dessensibilização anti-imulonogica, eles conseguem curar ou estabilizar o quadro dos alérgico por décadas.

    Outras doenças crônicas

    Diabetes: é importante lembrar que existe dois tipos de diabéticos, o diabético tipo I não teria muitas chances em uma situação apocalíptica, pelo fato de ser dependente de insulina, este nasceu com a diabetes ou a adquiriu em idade juvenil e não produz a insulina.

    A insulina que os diabéticos usam precisa ser armazenada de forma refrigerada (4-8 C) e em sua falta estes indivíduos adoecem desenvolvendo quadros letais neuropáticos.

    Os diabéticos de tipo II vivem muito bem com sua doença e pode viver muito tempo sem seus medicamentos, ainda mais em um cenário de privação nutricional.

    Hipertensão: a Hipertensão arterial é um problema pois pode gerar alterações vasculares intensas levando a AVCs (AVEs atualmente descritos) Acidentes Vasculares Cerebrais vulgarmente conhecidos como Derrames, porem existe pessoas que vivem com sua doença durante décadas sem apresentar sintomas letais, felizmente os anti-hipertensivos são medicamentos de fácil acesso e de longo tempo de validade.




    Abrigos



    Se imagine ao cair da noite, está desportegido, cansado e sem um lugar para descançar, ainda mais em um ambiente hostil. É nessa hora que se precisa de conhecimento na parte de abrigos.
    Abrigos podem ser feitos da mais variada forma, basta ter criatividade. Para se fazer um bom abrigo é necessário observar o que se precisa no momento, se é proteção, elevação, aquecimento, camuflagem, ou ainda todos juntos.

    Porém, em um caso de Z-day anunciado, se não tem planos, é recomendado que fique em casa.

    Devido a experiencia aqui do forum, evite lugares movimentados, como supermercados e bases militares. Provavelmente lugar de saqueadores, ou local bem protegido.






    Localização e Obtenção de Água


    Água, um artigo indispensável. É quase obrigatório que tenha um recipiente onde possa leva-la. Não é preciso um cantil caro, uma garrafa pet de 1 litro, bem limpa, ja consegue suprir sua necessidade.

    A ingestão de água é essencial à sobrevivencia. Sem atividade física, um homem pode aguentar cerca de dez dias sem água, a temperaturas de 10° C, sete dias a 32° C e dois dias a temperaturas de 49° C. Nestes limites o corpo fica incapacitado por desidratação. A morte virá a seguir.

    O único remédio para desidratação é a água, assim, em várias atividades de sobrevivencia, ela é a primeira a ser obtida.

    Perigos de ingestão de água não potável
    Nunca beba água não potável, qualquer que seja sua sede. Um dos piores pergios em situação de sobrevivencia são as doenças transmitidas pela água. Sempre trate a água, seja fervendo-a ou utilizando pastilhas para sua purificação.

    Algo mais sobre:
    Spoiler:

    [Técnica]Como Conseguir Água





    "De modo algum deverá o sobrevivente lançar mão de outros líquidos, como álcool, gasolina, urina, à falta absoluta da água. Tal procedimento, além de trazer conseqüências funestas, diminuirá as possibilidades de sobreviver, revelando indícios da proximidade do pânico que, quando não dominado, será fatal. Portanto, saber onde há água e estar sempre abastecido dela é importantíssimo e fundamental, bem como conhecer técnicas de filtragem e esterelização."








    Produção de fogo



    Você necessitará do fogo para se aquecer, para se manter enxuto, para sinalizar, para cozinhar e para purificar a água pela fervura. Não despreze os conselhos que se seguem, todos baseados em velha experiência e de valor comprovado. Não faça uma fogueira grande demais. As fogueiras pequenas exigem menos combustível e são mais fáceis de controlar; além do que, o seu calor pode ser concentrado. No tempo frio, pequenas fogueiras dispostas em círculo, em volta de um individuo, produzem muito melhor efeito do que uma só e grande fogueira.

    A preparação solo para o fogo
    Prepare o local para a sua fogueira, com cuidado. Limpe a pequena de folhas, raminhos, gravetos, musgo e capim seco, a fim de não estabelecer um incêndio geral na floresta. Se o chão estiver seco, raspe tudo até chegar à terra pura.
    Se a fogueira tiver de ser acesa sobre terra molhada, arme-a sobre uma plataforma de toros ou de pedras
    chatas.
    Spoiler:

    A fim de conseguir o máximo de calor e de proteger o fogo contra o vento, arme a fogueira junto a uma muralha ou grande rocha ou próximo a um muro (parapeito) feito de troncos, obstáculos estes, que servirão de refletores do calor, para o seu abrigo. O fogo para cozinhar deverá ser protegido por troncos ou pedras, não somente para concentrar o calor como também para prover apoio à panela (ou vasilha improvisada, qualquer) .
    Spoiler:

    Como acender fogo e uso de combustíveis

    A maior parte dos combustíveis não se inflama ao contato direto de um fósforo aceso. Para iniciar a sua fogueira, você precisará de material facilmente inflamável. Eis alguns materiais de fácil ignição: gravetos finos e bem secos, casca de casca de árvore, bem seca, folhas de palmeira, raminhos secos, musgo solto, que se
    encontra no chão, capim seco e ainda em pé, e fetos de samambaias. Se o fogo tiver de ser atiçado com pequenos pedaços de pau, rache-os e corte lasquinhas finas e compridas, que deverão ficar presas por uma ponta ao pedaço principal.
    Papel amarrotado e caixas revestidas de cera, que serviram para acondicionar rações, constituem muito bom material para começar o fogo. Todo o material desta espécie que sobrar deverá ser cuidadosamente resguardado da umidade. Um pouco de gasolina, deitado ao combustível, antes de acendê-lo, apresentará a combustão. Não deite gasolina ao fogo já iniciado, mesmo que não se veja chama alguma. Ela poderá estar oculta pela fumaça.
    Para lenha, use a madeira de árvores mortas e secas e também galhos secos. E fácil quebrar e rachar madeira morta; basta bater com ela de encontro a uma rocha qualquer. Isto quanto à madeira morta encontrada ainda de pé. Na madeira caída no chão, como, por exemplo, um tronco de árvore, de cerne (o “miolo”) do
    próprio tronco e das ramificações grossas poderá estar seco mesmo que a parte de fora esteja úmida. Quase em toda parte é possível encontrar madeira verde que queime, especialmente quando picada em pequenos fragmentos.
    Nas áreas sem árvores você poderá achar outros combustíveis naturais, como sejam, o capim, seco, que poderá ser reunido em pequenos molhos, a turfa (suficientemente seca para queimar), que você poderá encontrar na camada, próxima à superfície, de barrancos marginais de um rio ou riacho, o esterco, a gordura animal, e, às vezes, até o carvão, folhelho oleoso (uma espécie de minério oleoso) e terra (areia) oleosa, à superfície do solo. Se não for possível achar combustível natural algum e você estiver junto à aeronave, não pretendendo abandonála, você poderá queimar gasolina e óleo lubrificante.

    Acendendo com fósforos e isqueiro
    Prepare o lugar do fogo. Antes de começar a fogueira, reúna todos os seus materiais. Certifique-se de que os fósforos e o material inicial da fogueira (papel, gravetos, folhas secas, etc.) e o combustível, se acham secos. Veja também se há bastante combustível em reserva, para não deixar que se extinga a fogueira. Faça uma
    pequena pirâmide do material miúdo (papel, gravetos, etc.), deixando uma pequena abertura para acender a pirâmide, que deve ser compacta o suficiente para facilitar a propagação do fogo.
    Seria conveniente economizar fósforos pelo uso de um toco de vela, ao acender a fogueira. Não existindo toco de vela, você poderá fazer uma “vassourinha” de ramos secos, reunidos em feixe frouxo sem apertar o barbante. A vela acesa, ou a “vassourinha”, deverá ser encostada à pirâmide do material miúdo, do
    lado exposto ao vento, protegendo o chama da melhor forma possível. Pedaços de madeira, cada vez maiores, poderão ir sendo colocados sobre a chama inicial, isto, com
    jeito e delicadeza, a fim de não abafar a fogueira logo no início, o que acontecerá se você “esmagar” o pequeno fogo inicial com lenha grossa . Não faça uma fogueira grande demais. Não desperdice combustível.

    Para o post não ficar muito enorme, vai de spoiler agora:
    Spoiler:

    ACENDENDO A FOGUEIRA POR MEIO DE EQUIPAMENTO ESPECIAL

    Se você dispuser de um cartucho pirotécnico de sinalização, acenda-o, fazendo a pederneira (pedra tipo pedra de isqueiro) ferir o aço.
    É claro que esta operação sacrificará o cartucho, que não poderá ser mais empregado para sinalizar, mas a chama será mais que suficiente para começar um bom fogo.
    Alguns conjuntos com equipamento de emergência trazem pequenos cartuchos acendedores de fogo, latas com líquidos combustíveis especiais, fósforos a prova de vento e outros elementos de auxílio.

    ACENDENDO A FOGUEIRA SEM OS FÓSFOROS

    Em primeiro lugar, procure, e, se não achar, prepare quaisquer das seguintes espécies de isca; madeira pulverizada, bem seca, de casca de árvore ou o miolo retalhado de fronde de palmeira morta; fios de linha de pano desfiado; que também poderá ser de algodão, barbante, cânhamo ou mesmo de gaze para curativos, as raspas de plantas. Também a “paina”; penas finas dos pássaros ou ninhos de passarinhos; ninhos de ratos campestres ou pó de madeira moída pelos insetos, com freqüência encontrada sob a casca de árvores mortas.

    Todo e qualquer material deverá estar perfeitamente seco. Ele queimará com mais facilidade, se for agregado ao mesmo, algumas gatas de gasolina ou um pouco de pólvora retirada de uma cápsula de bala. Uma vez preparado o material de isca, guarde algum, para uso futuro, em um receptáculo hermeticamente fechado.
    Uma vez preparado o material para isca, acenda-o em local protegido do vento.

    Pode-se usar:
    Pederneira,
    Lente de Vidro
    Atrito.

    Falaremos agora sobre o Atrito:

    Muitos são os métodos de produzir fogo pelo atrito (arco e pauzinho, feito rodar por uma volta de corda do arco; ranhura ou estria; tira de couro, etc.). Se o método escolhido for o sulcador (pauzinho), corra-o para cima e para baixo no sulco (ranhura), acelerando o ritmo até obter fogo na isca; mas todos esses métodos, requerem práticos. Se você conhece bem um desses métodos, não deixe de usá-lo, mas não se esqueça, também, que a pederneira (pedra dura) e o aço dar-lhe-ão os mesmos bons resultados, com menos trabalho.



    Você poderá ainda obter fogo usando uma correia de fibra seca, forte, esfregando-a com um movimento contínuo que deverá ser aumentando em ritmo progressivo. O atrito produzirá o calor suficiente para a isca pegar fogo.






    Tópicos úteis nessa área
    [Equipamento] Como fazer uma lanterna a óleo
    http://cidadezumbi.forumeiros.com/t936-como-fazer-uma-lanterna-a-oleo-com-uma-lata
    [Equipamento] Absorvente / Tampão
    http://cidadezumbi.forumeiros.com/t570-equipamento-absorvente-tampao-feminino





    Obtenção e preparo de alimentos



    Falaremos agora sobre alimentos, nossa fonte de energia. Tão indispensável como a água, é preciso uma boa fonte de energia.

    Farei da palavras de um amigo meu, as minhas:
    "Todos nós sabemos que para nosso corpo funcionar precisamos nutrir nosso corpo, caso contrário este não terá um funcionamento perfeito e viremos a morrer. De nada adianta ter uma base fortificada e um material bélico perfeito se não tivermos água e comida. De contrapartida, sabemos que num Apocalipse Zumbi teríamos N dificuldades para conseguir estes mantimentos.
    Primeiramente, temos que saber que durante um Apocalipse Zumbi, devemos nos alimentar bem, ao mesmo tempo que conservamos nossos alimentos. E como isso é possível? Simples. Basta que só comamos o necessário, sem que se deixe faltar nutrientes no organismo."


    Junto com os alimentos, entra em questão a obtenção.
    Alimentos podem ser obtidos em latas, dentro de mercados, em casa e vários outros lugares certo?
    Porém, qaundo isto acabar, teremos que arrumar um novo meio. Ou seja, caça, pesa, criação, agricultura e etc.

    Na caça podem ser usadas diversas ferramentas, como atiradeiras, estilingues, bestas, arcos, armas de fogo.
    Na pesca, pode se utilizar um kit simples, com uma chumbada(Pode ser uma pedra), linha e isca.
    Na criação de armadilhas, o que vale é sua criatividade, visto que existem infinitas formas de faze-las.

    Cuidado, sempre utilize a regra: Aves, peixes, animais, larvas, vegetais que tenham como características, serem cabeludos, e ou amargo, e ou leitoso; tem grande chance de serem venenosos. Como dizem, se tiver gosto ruim demais, cuspa.

    Spoiler:

    Como Fazer Armadilha Para Peixes Com Garrafa Pet

    Você vai precisar de pouca coisa para fazer esta armadilha para peixes, tudo que você precisa é de uma garrafa pet. De preferência a maior que tiver, como uma garrafa pet vazia de refrigerante 2,5 litros ou maior e que seja transparente; também vai precisar de uma tesoura de ponta e linha de pesca 0,40mm ou corda de varal.

    Preparando a Armadilha Para Peixes

        Pegue a garrafa pet e corte no “pescoço da garrafa” para remover o bico. Em seguida faça um novo corte  uns 15 cm abaixo, no corpo da garrafa, veja  o local dos cortes na parte superior da figura abaixo para entender certinho:Aprenda como fazer armadilha para peixes com garrafa pet
     
     Agora que você fez os cortes, a garrafa ficou separada em duas partes, a parte do “corpo da garrafa” e outra parte menor, a parte superior da garrafa em formato de funil. Coloque a parte com formato de funil dentro da outra parte da garrafa com o bico voltado para dentro como mostrado na figura acima.
       Agora na parte de cima do conjunto, faça alguns furos ao redor e use a linha de pesca para amarrar e prender as duas garrafas de forma que o conjunto montado não se desfaça ao ser jogado na água.
       Faça um outro furo em outro local na garrafa para amarrar uma linha que será usada para puxar a armadilha, recomendamos que amarre uma linha de no mínimo uns 3 metros para poder posicionar a armadilha em vários pontos, mas isto varia conforme cada local de pesca. No lugar da linha de pesca, você também pode usar a corda de varal para esta função se preferir.
       No local da pesca, agora basta colocar um peso dentro da garrafa para garantir que ela vai afundar bem ao ser colocada ou jogada dentro da água, pode ser uma pedra do local ou até mesmo uma chumbada pesada.
       Agora coloque isca dentro da garrafa como massinha, ração para peixes, sagu, etc ou pedaços de comida como pequenos pedaços de pão.
       Agora basta colocar a armadilha no local.


    Armadilha para peixes com garrafa pet pronta acima.

    Ao colocar sua armadilha para peixes leve em consideração que a armadilha deve ser colocada de preferência longe do local onde você vai estar pescando normalmente com varinha ou usando outro método, isto porque quanto mais longe do barulho melhor, se colocar a armadilha muito próxima de você os peixes podem se assustar, com isso não se aproximam nem entram na armadilha.
    Outro ponto importante é que esta armadilha é muito boa para pegar lambaris, as vezes dá para puxar 20, 30 ou mais lambaris porém para obter resultados assim a armadilha para peixes deve ser usada normalmente em rios de água bem transparente.
    Esta Armadilha Para Peixes também pode ser feita com galão de água de 5 ou 6 litros para pegar peixes maiores.


    Tópicos úteis nessa área:
    http://cidadezumbi.forumeiros.com/t443-armadilhas-para-cacar-animais
    http://cidadezumbi.forumeiros.com/t636-pesca-no-ap-z

    ou vá até a nossa seção de alimentos:
    http://cidadezumbi.forumeiros.com/f24-alimentacao

    Spoiler:



    Em breve editarei e/ou postarei mais sobre esta área.





    Detalhes Adicionais



    Algumas coisas a adicionar, que seriam de importancia em caso de sobrevivencia.

    Muitas vezes, é generalizado que cobras venenosas sempre tem a cabeça com formato triangular, e não venenosas tem cabeça arredondada. Porém, para toda regra existem as exceções. Algo sobre para vocês:
    Spoiler:






    Créditos:
    Vários amigos de outros foruns, e meu amigo Galileu kk


    http://gemarcarmo.com.br
    http://www.bushcraftbr.com.br/


    Se algo é de sua autoria, fale que postarei aqui Sorridente

    Então meus amigos, como dizem, quanto mais se leva na cabeça, menos se leva nas costas.

    *Este tópico é somente um resumo, o assunto é aprofundado em outros tópicos.

    Obrigado pela atenção,
    Atenciosamente
    Yves.


    Última edição por Yves HMR em 30/7/2013, 14:23, editado 2 vez(es)




    -Danger-
    Cidadão
    Cidadão

    Posts : 106
    Cadastrado : 08/12/2012

    Re: [Sobrevivência] Mega resumão

    Mensagem por -Danger- em 26/5/2013, 20:33

    Gostei, ficou muito bem feito, organizado. Nem precisou de imagens para exemplificar ficou bom sem elas mesmo. Se o pessoal aprender tudo que tem aí vamos começar a ter debates muito bons aqui no fórum.



    Existem três justiças neste mundo: A minha, a dos homens e a da minha arma. Qual você prefere?

    sηiρєr
    Especialista
    Especialista

    Posts : 1385
    Cadastrado : 25/02/2012
    Localização : Santo André-Sp

    Re: [Sobrevivência] Mega resumão

    Mensagem por sηiρєr em 27/5/2013, 17:37

    Cara, eu li tudo isso, demorei 15 ou 20 minutos pra ler tudo, inclusive os spoilers, e analisar as imagens.

    Eu curti, nunca vi nada igual aqui no fórum, adorei o uso das imagens, o uso de links internos do fórum e as dicas técnicas.

    Parabéns.



    - Some times you need to leave old friends and go to new friends.


    Lord.Jhone
    Presa
    Presa

    Posts : 33
    Cadastrado : 25/12/2012
    Localização : Belo Horizonte -MG

    Re: [Sobrevivência] Mega resumão

    Mensagem por Lord.Jhone em 1/6/2013, 15:07

    Cara muito bom seu tópico, tá de parabéns. São pessoas como você que fazem nosso fórum melhor.

    Dantas
    Membro
    Membro

    Posts : 174
    Cadastrado : 29/05/2013
    Localização : Rio Grande do Norte

    Re: [Sobrevivência] Mega resumão

    Mensagem por Dantas em 2/6/2013, 13:48

    Belo tópico. Eu já tinha conhecimento de alguns pontos abordados, mas, não todos. Gostei especialmente da armadilha para peixes, apesar de ser provavelmente lerda para fornecer resultados, me pareceu bem elaborada, mas, creio que deveria haver maior proteção para caso o peixe tenha força e resolva tentar escapar à todo custo dali de dentro.

    Também curti a explicação sobre as cobras peçonhentas e as "não peçonhentas". Para quem mora em regiões com muita vegetação e consequentemente com muitas cobras vai se sentir mais confortável pra meter carreira ou ficar ali observando-a. Bebendo Café

    Reputado. Positivo



    Nada é orgânico, é tudo programado! E eu achando que tinha me libertado...

    sηiρєr
    Especialista
    Especialista

    Posts : 1385
    Cadastrado : 25/02/2012
    Localização : Santo André-Sp

    Re: [Sobrevivência] Mega resumão

    Mensagem por sηiρєr em 3/6/2013, 14:34

    Dantas, na verdade a armadilha é super efetiva e não demora muito para mostrar resultados, claro que é preciso saber aonde por-la.

    O peixe não irá escapar pois ele iria ser como uma mosca que entra no quarto e fica se jogando contra o vidro da janela, ela não volta por onde entrou.



    - Some times you need to leave old friends and go to new friends.


    Yves HMR
    Presa
    Presa

    Posts : 29
    Cadastrado : 26/05/2013

    Re: [Sobrevivência] Mega resumão

    Mensagem por Yves HMR em 30/7/2013, 14:29

    EDIT: Tópico atualizado.

    Upando o tópico para que novos membros o veja.




    Herrera
    Presa
    Presa

    Posts : 37
    Cadastrado : 08/06/2012

    Re: [Sobrevivência] Mega resumão

    Mensagem por Herrera em 1/8/2013, 22:39

    Muito conteúdo, muito mesmo. Penei para ler todo, ainda mais nesse horário em que me encontro postando. Enfim, gostei do tópico. Tem bastante conteúdo, dá para entender algumas coisas básicas de sobrevivência.

    Kairyum25
    Sobrevivente
    Sobrevivente

    Posts : 56
    Cadastrado : 04/06/2012
    Localização : Fortaleza

    Re: [Sobrevivência] Mega resumão

    Mensagem por Kairyum25 em 18/12/2013, 10:40

    Tópico perfeito,vou dar uma lida melhor depois,Yves acho que vc sobreviveria um bom tempo no meio de um mundo apocalíptico.
    Isso realmente deve me ajudar no meio do Z-Day ou qualquer outra catástrofe.

    Conteúdo patrocinado

    Re: [Sobrevivência] Mega resumão

    Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 20:03


      Data/hora atual: 23/1/2017, 20:03